Igreja em Ipanema receberá restos mortais de Guido Schäffer

8Surfista carioca que pode ser beatificado costumava participar da Missa na Igreja Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, onde seus restos mortais serão expostos

Da Redação, com Arquidiocese do Rio de Janeiro

Os restos mortais de Guido Schäfer, surfista carioca que teve o processo de beatificação autorizado pelo Vaticano, serão transferidos para a Igreja Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, no dia 20 de janeiro, dia de São Sebastião. A informação foi anunciada pela arquidiocese do Rio de Janeiro.

Atualmente, os restos mortais do surfista estão no Cemitério São João Batista, em Botafogo. A proposta é que, no dia 20, seja feita uma carreata de fiéis para a Igreja onde Guido costumava participar das Missas. De acordo com o padre Omar Raposo, da arquidiocese, a ideia é que surfistas, médicos e outros fiéis acompanhem a procissão, que marca o fato de Guido ter sido considerado um “Servo de Deus” pela Santa Sé. Esse é um dos passos iniciais do processo de beatificação e canonização.

Simbolicamente, a instalação dos restos mortais de Guido na igreja que ele frequentava representa uma aproximação de sua memória da comunidade católica. “Estamos muito satisfeitos porque o Guido foi um santo que tivemos a oportunidade de conhecer”, afirmou o sacerdote.

Guido Vidal Schäffer morreu no mar aos 34 anos. Seminarista e surfista, estudou medicina e era dedicado à causa dos mais pobres.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *