O pesar do Papa pelo ataque a hospital no Paquistão

Cidade do Vaticano (RV) – “Um brutal e sem sentido ato de violência”. Assim o Papa definiu o atentado contra um hospital civil em Quetta, no Paquistão, na segunda-feira.

Nesta terça-feira (09/08), o Cardeal Secretário de Estado Pietro Parolin enviou – em nome do Papa – às autoridades eclesiais e civis do Paquistão a seguinte mensagem de pesar pelas numerosas vítimas:

“Profundamente entristecido ao saber das numerosas vítimas do ataque a um hospital em Quetta, o Papa envia suas sinceras condolências aos parentes das vítimas, às autoridades e a toda a nação, enquanto garante as suas orações pelos feridos deste brutal e sem sentido ato de violência. O Papa invoca a todos que estão de luto e que foram afetados pela tragédia, dons divinos de consolação e força”.

fonte: Rádio Vaticano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *