Antes da Epifania – Sábado

Primeira Leitura (1Jo 3,11-21)

Leitura da Primeira Carta de São João.

Caríssimos: 11Esta é a mensagem que ouvistes desde o início: que nos amemos uns aos outros, 12não como Caim, que, sendo do Maligno, matou o seu irmão. E por que o matou? Porque as suas obras eram más, ao passo que as do seu irmão eram justas. 13Não vos admireis, irmãos, se o mundo vos odeia. 14Nós sabemos que passamos da morte para a vida, porque amamos os irmãos. Quem não ama permanece na morte. 15Todo aquele que odeia o seu irmão é um homicida. E vós sabeis que nenhum homicida conserva a vida eterna dentro de si. 16Nisto conhecemos o amor: Jesus deu a sua vida por nós. Portanto, também nós devemos dar a vida pelos irmãos. 17Se alguém possui riquezas neste mundo e vê o seu irmão passar necessidade, mas, diante dele fecha o seu coração, como pode o amor de Deus permanecer nele?

18Filhinhos, não amemos só com palavras e de boca, mas com ações e de verdade! 19Aí está o critério para saber que somos da verdade e para sossegar diante dele o nosso coração, 20pois, se o nosso coração nos acusa, Deus é maior que o nosso coração e conhece todas as coisas. 21Caríssimos, se o nosso coração não nos acusa, temos confiança diante de Deus.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Responsório (Sl 99)

— Aclamai o Senhor, ó terra inteira!

— Aclamai o Senhor, ó terra inteira!

— Aclamai o Senhor, ó terra inteira, servi ao Senhor com alegria, ide a ele cantando jubilosos!

— Sabei que o Senhor, só ele, é Deus. Ele mesmo nos fez, e somos seus, nós somos seu povo e seu rebanho.

— Entrai por suas portas dando graças, e em seus átrios com hinos de louvor; dai-lhe graças, seu nome bendizei!

— Sim, é bom o Senhor e nosso Deus, sua bondade perdura para sempre, seu amor é fiel eternamente!

Evangelho (Jo 1,43-51)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 43Jesus decidiu partir para a Galileia. Encontrou Filipe e disse: “Segue-me”. 44Filipe era de Betsaida, cidade de André e de Pedro.45Filipe encontrou-se com Natanael e lhe disse: “Encontramos aquele de quem Moisés escreveu na Lei, e também os profetas: Jesus de Nazaré, o filho de José”. 46Natanael disse: “De Nazaré pode sair coisa boa?” Filipe respondeu: “Vem ver!” 47Jesus viu Natanael que vinha para ele e comentou: “Aí vem um israelita de verdade, um homem sem falsidade”. 48Natanael perguntou: “De onde me conheces?” Jesus respondeu: “Antes que Filipe te chamasse, enquanto estavas debaixo da figueira, eu te vi”.

49Natanael respondeu: “Rabi, tu és o Filho de Deus, tu és o Rei de Israel”. 50Jesus disse: “Tu crês porque te disse: Eu te vi debaixo da figueira? Coisas maiores que esta verás!” 51E Jesus continuou: “Em verdade, em verdade, eu vos digo: Vereis o céu aberto e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do Homem”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

São João Nepomuceno Neumann, defensor da liberdade

São João Nepomuceno Neumann é modelo de pastor e defensor da liberdade que salva e liberta

São João Nepomuceno Neumann, natural de Boêmia, nasceu no ano de 1811. Ao ser despertado para o chamado à vida sacerdotal, fez toda a sua formação, mas foi acolhido nos Estados Unidos, em Nova York, pelo Bispo Dom João. Ali, foi ordenado. Como padre, buscou ser fiel à vontade do Senhor. São João pertenceu a congregação dos padres redentoristas e, ao exercer vários cargos, sempre foi marcado pelo serviço de humildade, de ser servo de Deus e servir ao Senhor por amor aos irmãos.

O Espírito Santo pôde contar com ele também para o episcopado, ser um dos sucessores dos apóstolos. Como bispo, participou em cerca de oitenta igrejas e cerca de cem colégios; até a própria Sé, na Filadélfia, foi construída através do seu serviço, do seu ministério episcopal.

São João Nepomuceno Neumann, modelo de pastor e defensor da liberdade que salva e liberta. Uma imagem, um reflexo do Bom Pastor.

Em 1860, ele partiu para a glória do Senhor.

São João Nepomuceno Neumann, rogai por nós!

Formações

São José Patrono da Comunidade Coração Fiel

Desde os seus primórdios, a Comunidade Coração Fiel tem um relacionamento especial com São José. Segundo as Sagradas Escrituras, São José foi escolhido por Deus para...

Como Viver bem o tempo da quaresma?

A quaresma é um tempo privilegiado para todo cristão Católico. É a grande oportunidade que a Igreja nos dá para uma preparação apropriada para recordar e celebrar o...

A vida Consagrada e a Eucaristia

Qualquer ateu que se atreva a estudar a religião Católica, perceberá que ela se distingue absurdamente das outras realidades de fé ao longo do tempo e em todo o mundo....

Onde encontrar a felicidade ?

Reconcilia-te, pois, com Deus e faze as pazes com Ele: é assim que te será de novo dada a felicidade. (Jó 22, 21)”, esta Palavra é confirmada com o salmista, “Digo a...

Devemos buscar a santidade para o nosso crescimento

A oportunidade que Deus nos dá de nos reunirmos com outras pessoas que louvam a Deus é nosso Tabor particular. Tabor é lugar de experiência e encontro pessoal com Deus, é...

Jovem, o que te falta para viver bem?

Vivemos em um mundo moderno e autossuficiente, onde infelizmente encontramos muitas pessoas, in­clusive jovens que vivem como se Deus não existisse, e se julgam não precisar...