Guardar a palavra no coração

O coração é o alvo de Deus… É onde ele quer chegar! E Ele nos dá Sua palavra e Ela precisa chegar ao nosso coração e nele encontrar abrigo. Mas antes que chegue a nosso coração Ela passa pelo ouvir, pela mente, pela nossa compreensão e seu destino final é o coração do pecador, ou seja… o meu coração e o seu coração. A  palavra de Deus nos diz: ” porque dentro do coração dos homens, é que procedem os maus desígnios, a prostituição, os furtos,os homicídios, os adultérios, a avareza, as malícias, o dolo, a lascívia, a inveja, a blasfêmia, a soberba,a loucura: Ora, todos os males vêm de dentro e contaminam o homem” (Mc 7, 21-23). O texto é claro, o problema não está noque o homem faz, mas sim, no que ele é. Pecamos porque somos pecadores. Nosso coração está corrompido pelo pecado e não pode, naturalmente agradar a Deus. Tanto é verdade, que Deus diz que nos dará um novo coração, um coração de carne capaz de amá-lo (conf. Ez 36,26). Ora se dentro do coração que está toda maldade, então é natural que a palavra  de Deus venha de encontro a esse coração para libertá-lo do pecado. O Salmista nos ensina “Guardo no fundo do meu coração a vossa palavra,para não vos ofender.” (Conf. Sl 118, 11). Deus sabia que precisaríamos guardar sua palavra em nosso coração, por isso é importante entender a palavra, não com a mente, mas com o coração! É preciso que ela chegue e permaneça onde o pecado está instalado, em nosso coração!

Se desejamos ser curados, precisamos fazer assepsia e tomar o remédio certo na dose certa para a doença que nos causa mal e, a palavra de Deus é o remédio que necessitamos para sermos curados do mal que aflige o nosso coração! Esse remédio só terá efeito se tomarmos a dose conforme a prescrição médica. Nosso problema chama-se pecado e para este problema só há uma solução: a palavra de Deus! Por isso o único remédio eficaz é a palavra de Deus arraigada em nosso coração.

Aconselho você a fazer uso da liturgia diária, retirar dela, todos os dias, aquele versículo que te chamou atenção e se puder, anotar em lugar onde você possa estar perto durante todo o dia e, no final do dia faça seu exame de consciência em cima desse versículo, se perguntando “Como vivi hoje essa palavra?”, aos poucos você vai se percebendo, se conhecendo, aceitando-se e superando-se. Lembre-se a palavra não  é para o intelecto, é para a vida, é nosso que precisa ser transformado por isso é tão necessário e precioso guardar a palavra no coração. Vale a pena fazer essa experiência e ter a oportunidade de uma vida totalmente guiada e conduzida pela palavra  guardada, vivenciada e experimentada em nosso coração!

Missionária Amarília Freire

Comunidade Coração Fiel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *