Da gestão paroquial à gestão da própria vida. Atualização do Clero da Diocese de Uruaçu é concluída

Terminou nesta quinta-feira (19) a Atualização do Clero 2019, que teve como tema “Gestão Eclesial e Dízimo”, com assessoria do padre Wagner Scarponi, da Arquidiocese de São Paulo (SP). Em entrevista, o assessor comentou que durante a formação aprofundou o tema gestão paroquial e do dízimo, passando por reflexões sobre todos os aspectos da gestão e da espiritualidade do sacerdote em administrar o reino de Deus em sua paróquia.

“Nós fizemos uma caminhada que teve como ponto culminante a gestão da própria vida, a preocupação que cada padre tem que ter com sua vida porque ele é um bem precioso para a Igreja, a vocação sacerdotal é uma raridade nesse mundo de hoje de tantas crises. Formar um padre, que persevera no ministério, é uma graça de Deus que requer do padre cuidado especial consigo mesmo para que não se fira e se se ferir se cuidar, e viver o seu ministério”, afirmou.

Com relação ao dízimo, padre Wagner refletiu com o Clero de Uruaçu sobre o dízimo como ato de partilha, ato de amor pela Igreja e pela comunidade. “Refletimos com muito cuidado a questão da teologia da prosperidade que não deve ser o nosso caminho para compreender o dízimo, mas devemos compreendê-lo como um gesto de amor: eu dou na comunidade, contribuo sem esperar nada em troca de Deus. Contribuo porque amo minha comunidade e Deus já faz muito por mim e já tenho tudo de Deus”, comentou.

O assessor também fez comentários sobre a experiência que teve com o nosso Clero. “Foi muito válida, muito importante. Fui muito bem recebido pelos padres e eu pude me sentir irmão no meio dos padres, viver momentos de partilha e levo essa imagem de um Clero feliz, jovem e, apesar de todas as dificuldades, está aí procurando viver o Reino de Deus em sua vida”, concluiu.

Fonte: diocesedeuruacu.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *